A intrigante história do empresário Bruno Freitas define a essência do sonho americano. Brasileiro, nascido em Barra de São Francisco, no Espírito Santo, o empreendedor tem uma trajetória repleta de dificuldades e vitórias ao longo de seus 33 anos. Hoje, ele é fundador e CEO da Empire Pavers, uma empresa de construção e paisagismo de alto padrão que atua em solo americano e que virou referência do segmento.

Freitas conta que, apesar de hoje ser um cidadão americano pleno e um homem de sucesso em San Francisco, na Califórnia, o início de sua vida nos EUA, aos 16 anos, foi marcado por obstáculos. “Meus pais, que já viviam nos Estados Unidos, quiseram me trazer, junto com minha irmã, para o país. Até então toda minha infância havia sido no interior do Espírito Santo, com meus avós. Graças a Deus nunca passamos fome, mas as coisas eram difíceis”, conta. “Quando meus pais me ligaram, eu simplesmente obedeci o que eles pediram, para assim chegar aos Estados Unidos”, diz Freitas, que conta que passou por vários países antes de entrar em solo americano, como México, Cuba e Bahamas.

Antes de chegar ao destino final, Freitas passou por momentos dramáticos. Ele e sua irmã precisaram fazer a travessia com muitos pontos de parada e com transporte precário, o que colocou suas vidas em risco. “Eu pouco sabia o que ia acontecer. Uma pessoa do interior que nunca tinha saído da cidade, ir para outro país, o primeiro voo, foi muito impactante para mim e para minha irmã”, conta. Saindo das Bahamas rumo à Flórida, os irmãos precisaram pegar uma embarcação durante o período de furacões da região, chamado Hurricane Season. “A gente simplesmente acreditou em Deus e falamos: ‘vamos que vai dar certo’”, conta.

Freitas lembra que o trajeto demorou 21 dias. “Eu achei que a gente ia morrer, porque o barco parou de funcionar. Eu era um menino de 16 anos, mais fraquinho, mais magrinho. Consegui ir até o fundo do barco e tirar a água que estava entrando. Mas, depois, desmaiei e não me lembro de mais nada, para falar a verdade. A única coisa que me lembro é de a gente chegando a Miami. Lembro de muita gritaria, na calada da noite, porque o barco não estava funcionando. Graças a Deus a gente conseguiu passar por esse trajeto”, relata.

Depois de passar a etapa mais crítica de sua viagem, Freitas começou sua trajetória de adaptação à nova vida. “Eu terminei o meu ensino médio aqui. Meu português é quebrado mesmo, é um português mais simples, um português que eu aprendi até o ensino médio’, conta. Esse período foi muito importante não só para seu futuro profissional, mas também pessoal. Foi lá que ele conheceu sua esposa, Thaynara, que também é brasileira. “Foi amor à primeira vista, não vou mentir”, declara. “Ela sempre me apoiou, sempre foi a pessoa que disse: vai e faz”, conta. 

Ele conta que também foi nessa época que quis planejar seu futuro. ”Começou em mim esse espírito do empreendedorismo, o espírito de querer fazer as coisas acontecerem. No High School eu conheci alguns amigos que tinham pais que também eram latinos, imigrantes, mexicanos, de vários países da América Latina, e que trabalhavam com jardinagem, trabalho braçal, que você não precisa de um certo tipo de educação”, explica. 

O empresário conta que na região é comum que esses trabalhadores fiquem ao redor de lojas de materiais de construção e utensílios domésticos, como a famosa Home Depot, oferecendo seus serviços. Freitas também fez o mesmo e logo começou aprender vários tipos de habilidades, como carpintaria, jardinagem, manutenção de piscinas, etc. Com o tempo, seu nome foi sendo mais conhecido, e sua cartela de clientes cada vez maior. 

Freitas conta que após dois anos no esquema “Home Depot”, ele conseguiu criar sua própria empresa, aos 21 anos, com seu irmão como sócio. O empresário revela que essa primeira tentativa não deu certo e que ele e seu irmão seguiram caminhos diferentes. Contudo, com ajuda de sua esposa, que ficou responsável por muito da parte burocrática e, com sua experiência adquirida, Freitas começou a dar formato a sua própria empresa, que hoje é a Empire Pavers. O sucesso da nova empreitada foi muito rápido. “Consegui meu primeiro milhão aos 23 anos”, revela. 

Atualmente, sua companhia possui 60 funcionários e é uma referência em design de paisagismo para residências de alto padrão nos EUA. Com faturamento de mais de 100 milhões de reais, a Empire Pavers possui uma cartela de clientes com celebridades e nomes mundialmente conhecidos, como o diretor de cinema Francis Ford Coppola. “Eu não considero meu trabalho um trabalho. Eu considero um chamado. Algo que tive a oportunidade de começar e não me vejo fazendo outra coisa”, diz Freitas.

A companhia possui vários segmentos, além da atuação principal em paisagismo. “Hoje, a gente tem fábrica no México, a gente tem uma escola para ajudar pessoas que precisam de auxílio na documentação para ter uma empresa. Estou de fato ajudando empresários”, diz. “Também temos a companhia de marketing, produtos, além de uma organização sem fins lucrativos”, detalha.

Em entrevista em vídeo dada com exclusividade à IstoÉ Sua História, Freitas dá detalhes de sua trajetória que culminaram no seu sucesso, confira o papo na íntegra: